O Núcleo de Prática Jurídica da Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim – NPJ/FDCI é o órgão responsável pela supervisão e funcionamento das atividades do Estágio de Prática Jurídica, disciplina integrante do currículo pleno, instituída pela Resolução CES/CNE 09/2004, do Ministério da Educação e Cultura – MEC, proporcionando aos alunos matriculados na 4ª e 5ª séries treinamento profissional, que inclui elaboração de peças processuais e profissionais, atuação em audiências, prestação de serviços jurídicos à comunidade carente, visitas orientadas a cartórios e demais órgãos da Justiça.

As atividades planejadas pelo Núcleo de Prática Jurídica da FDCI, reais e/ou simuladas, são desenvolvidas no Escritório Modelo “Professor Deusdedit Baptista” (instalação própria da FDCI), no Juizado Especial Cível Adjunto e, parcialmente, através de convênios firmados com o Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo, Justiça Federal – Seção Judiciária do Espírito Santo, Ministério Público, Empresas que mantenham Departamento ou Assessoria Jurídica e Escritórios de Advocacia, desde que o estágio seja formal.

No Escritório Modelo “Professor Deusdedit Baptista”, inaugurado em 24 de setembro de 1997, são promovidos cerca de 1.200 atendimentos por ano, nas áreas cível e criminal, a pessoas carentes da comunidade, que não dispõem de capacidade financeira para suportar as custas de um processo e os honorários advocatícios. Os atendimentos são promovidos pelos alunos estagiários, sob a orientação de professores e acompanhados por advogados contratados pela própria instituição, em instalações integralmente mantidas pela FDCI.

O Juizado Especial Cível Adjunto, que funciona em regime de convênio com o Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo, está instalado em prédio próprio da faculdade, desde outubro de 2001, trabalhando em seu cartório seis estagiários bolsistas (alunos da instituição). Cerca de setenta alunos da faculdade, treinados pelo Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo, se revezam como conciliadores daquele juizado especial, facilitando o acesso à Justiça e, conseqüentemente, prestando relevantes serviços à comunidade